Dicas Para Tratar a Ansiedade

Não é incomum ouvir as pessoas falando que estão ansiosas, seja por uso de redes sociais ou por problemas no dia a dia mesmo.

A verdade é que o sentimento de ansiedade, assim como o de medo, de tristeza e outros, é algo comum e inerente do ser humano.

No entanto, quando ele se torna algo muito intenso, difícil de controlar ou incapacitante, é preciso procurar ajuda médica para que seja instituído um tratamento.

Segundo o Manual de Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, esse distúrbio é caracterizado pela preocupação em excesso ou mesmo por uma expectativa apreensiva.

Estudos realizados mostram que o problema está relacionado aos neurotransmissores cerebrais responsáveis pela transmissão da sensação de felicidade e bem-estar, tais como norepinefrina, serotonina e dopamina.

No entanto, além disso, os fatores genéticos também podem influenciar, bem como fatores relacionados à qualidade de vida, rotina, estresse, alimentação e outros.

Tratamento para ansiedade

O mais importante de tudo é procurar um médico para que se tenha um diagnóstico adequado de que realmente se trata de ansiedade.

Assim, constatado o problema, é preciso iniciar o acompanhamento com o psicólogo que, por diferentes meios de terapia, irá analisar o caso cuidadosamente e identificar o fator que desencadeia o processo.

Assim será possível combater todas as complicações que esse problema pode causar na vida de uma pessoa.

Em determinados casos, o profissional pode até encaminhar o caso para um psiquiatra, para que o tratamento seja mais focado. Isso pode acontecer também quando já necessidade de uso de medicamentos para contribuir com o tratamento, muitas pessoas estão resolvendo problemas de depressão e ansiedade apenas fazendo o uso do suplemento natural captril, ele é muito eficaz nesse tratamento.

Mudar o estilo de vida também pode ajudar muito no tratamento e controle da ansiedade, adotando hábitos mais saudáveis, como praticar atividade física, ter uma alimentação nutritiva e balanceada, manter contato social, ter momentos de lazer e muito mais.

Sintomas da ansiedade

Se você acha que pode estar apresentando um distúrbio de ansiedade ou conhece alguém nessa condição, veja os sintomas para entender melhor o quadro e procurar ajuda:

  • Preocupação excessiva: normalmente a pessoa se preocupa em excesso e de forma recorrente com coisas simples do dia a dia;
  • Dificuldade para dormir: por mais cansada que esteja, pegar no sono pode ser um problema. Depois de dormir, pode acordar várias vezes.
  • Dores musculares: pessoas com ansiedade podem apresentar dores musculares causadas pela constante tensão que sentem.
  • Indigestão: um outro sintoma que pode ocorrer são náuseas, dor estomacal, inchaço, cólica, gases, diarreia e outros distúrbios gastrointestinais.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre como tratar ansiedade!

Leave a Reply